O que acontece quando um transplante capilar barato corre mal

Este estudo de caso foi apresentado pelo Dr. Konstantinos Anastassakis MD, Cirurgião Doutorado em Cabeça & Pescoço, Membro do ISHRS, Diplomado e Membro do Conselho de Administração ABHRS, Presidente da Associação Helénica de Cirurgia de Restauração Capilar HAHRS/ELAMAT.

O caso deste paciente é, infelizmente, demasiado comum.

Um jovem procurava desesperadamente melhorar o aspeto do seu cabelo através de uma restauração capilar cirúrgica e ficou deslumbrado com as promessas e as ofertas de baixo custo que eram fortemente anunciadas por uma clínica de beleza. Este tipo de instalações atrai pessoas interessadas em obter um transplante capilar, com base em publicidade agressiva e valores extremamente baixos.

O que nunca explicitamente dizem aos potenciais clientes

  • é que os transplantes capilares são efetuados por técnicos não licenciados e não por médicos certificados e formados.
  • que a taxa de sobrevivência das unidades foliculares transplantadas é extremamente baixa.
  • que não são prestados cuidados ao paciente após o procedimento.
Antes e depois da reparação do transplante capilar

Um resultado fino e antinatural, um paciente infeliz, área doadora esgotada e uma catástrofe global é o que obtém.

Há 7 meses, Vaggelis foi selecionado para participar no programa de restauração capilar pro bono do Dr. Anastassakis, destinado a ajudar pessoas que tenham passado por este tipo de fraude! Com 28 anos e já a sofrer um forte enfraquecimento devido à queda do cabelo, Vaggelis decidiu visitar uma destas instalações fortemente publicitadas. Estes tipos de instalações recorrem aos anúncios “clickbait” online e offline sobre transplantes capilares, com ofertas e promessas extremamente sedutoras.

Vaggelis visitou uma destas instalações, tendo em conta apenas a oferta de baixo custo. A consulta/venda “pitch” é idêntica em todas estas clínicas. Um comercial deu as boas-vindas a Vaggelis.

Arma de persuasão #1: Um álbum de fotografias, geralmente com fotografias roubadas da Internet, que mostra casos do antes e do depois utilizados como prova dos seus resultados nos transplantes capilares. A maioria destas fotografias são imagens de casos de transplantes capilares efetuados em celebridades utilizadas por, pelo menos, 4 “clínicas capilares” diferentes. Cada uma destas clínicas afirma que efetuou os transplantes capilares nestas celebridades e que todas as outras estavam a mentir!

Arma de persuasão #2: Uma montanha-russa emocional que termina em chantagem emocional. O comercial fez-lhe uma apresentação com tudo o envolvido de uma forma tão perfeita que não poderia ser mais persuadido. “Não haveria dor e qualquer cicatriz, porque dispomos de uma técnica nova que não causa cicatrizes e terá o seu cabelo de novo tal e qual como quando tinha 20 anos, etc. E, por favor, considere que devido a esta oferta especial que agora lhe oferecemos, poderá obter o dobro dos cabelos pela metade do preço. A única coisa que tem de perguntar a si mesmo é o seguinte: quer mesmo continuar a ver-se ao espelho e não ter cabelo, É ISSO?

Claro que não esteve qualquer médico ou cirurgião capilar presente, em nenhum momento. Por um breve momento, uma pessoa anónima que vestia uma bata médica branca – o “médico” como o comercial se referiu – apareceu para dizer olá. Não houve exame médico ou qualquer outra interação.

A partir deste ponto começou a pressão intensa para “Aceitar agora a oferta”. Vaggelis foi instado a aceitar a oferta neste exato momento, caso contrário, perderia este preço absurdamente baixo e a possibilidade de ter o seu cabelo de volta! Era uma oferta única e teve que aceitar de imediato!

ANTES DA REPARAÇÃO

DEPOIS DA REPARAÇÃO

https://www.youtube.com/watch?v=s9UeFktK4d4&t=30s

E assim o fez. O procedimento durou cerca de 3-4 horas e foi levado a cabo numa pequena sala sem janelas. 2-3 pessoas estiveram presentes, mais provavelmente técnicos.

Quando acabou, disseram-lhe que tudo correu bem e que teria um excelente resultado. Pediram-lhe que voltasse ao fim de 3-4 dias. Naquela visita, repetiram que tudo parecia estar bem e que gostariam de vê-lo novamente ao fim de 4 meses.

Durante os seguintes 4 meses, não se verificou um crescimento percetível do cabelo. Vaggelis não via qualquer cabelo a crescer.

FOTOGRAFIAS ANTES DA REPARAÇÃO

Na sua visita ao fim de 4 meses mencionou esta situação e disseram-lhe que era muito cedo, que tinha que ter paciência e que veria resultados a seu tempo.

O tempo passou e ainda nada havia mudado. Mês após mês tudo o que via eram alguns cabelos espalhados nas têmporas e alguns no topo. O resultado era antinatural e feio. Sentiu que tinha sido enganado e a sua frustração era enorme. Acima de tudo sentia-se dececionado, infeliz e tentava esconder o resultado. Evitava sair, usou um chapéu muitas vezes para esconder o cabelo e estava a passar por uma grande agitação emocional.

Considerou visitar outra clínica para ver se alguém o conseguiria ajudar, mas temia ser de novo enganado com promessas falsas.

“Um dia andava simplesmente a navegar pela Internet e encontrei um artigo sobre o Dr. Anastassakis e o seu programa de restauração capilar pro bono, criado para ajudar pessoas na minha situação!” disse Vaggelis.

“Queria mesmo ter uma segunda oportunidade e livrar-me do mau resultado. Tive demasiado medo de me manifestar até então, mas desta vez tratava-se mesmo de um médico e ao ler o seu artigo apercebi-me pela primeira vez sobre como deve ser feito um procedimento de transplante capilar!

Vaggelis marcou uma consulta com o Dr. Anastassakis. Depois de um exame minucioso e de uma avaliação médica foi informado de que este resultado não natural poderia ser revertido, a sua área doadora foi danificada, mas não estava esgotada, e poderia ser-lhe proporcionado um resultado denso e natural. “Foi o único que me disse a verdade e que me explicou detalhadamente como é que me iria ajudar. Fiquei muito aliviado! Era a minha oportunidade de ter a minha vida e o meu aspeto de volta”, disse Vaggelis.

Já passaram 7 meses. desde que Vaggelis foi submetido a uma cirurgia de transplante capilar com o Dr. Anastassakis.

“Eu ainda não consigo acreditar nos meus olhos, nem nas fotografias!”, diz.

FOTOGRAFIAS APÓS A REPARAÇÃO

Não consegue acreditar que em apenas 7 meses já vê resultados e que tem cabelos espessos e naturais. “Depois desta sessão de reparação, parece que tudo voltou ao seu lugar na minha vida! Sinto-me confiante, não voltei a usar chapéus e não tenho desculpas para não sair. Eu olho diretamente para o espelho quando arranjo o meu cabelo e dou por mim a sorrir. A minha família e amigos estão espantados com o meu resultado e a verdade e que alguns dos meus amigos ainda se questionam sobre se este cabelo é mesmo meu. Até tocam para ver se é verdadeiro! Corto o meu cabelo com alguma frequência e o meu barbeiro não encontra qualquer cicatriz na área doadora. Disse-me que tenho muita sorte por ter conseguido um excelente resultado e que viu muitos resultados de transplantes capilares não naturais e pessoas que tentavam desesperadamente escondê-los.

Eu sei que não é sorte, mas antes pesquisa e confiança que me levaram a tomar uma decisão correta desta vez. Tive uma cirurgia de restauração capilar cuidadosamente planeada por um médico, fui total e detalhadamente informado e em todos os passos tive sempre o meu médico ao meu lado. Honestamente não poderia pedir mais nada e eu estou incrivelmente feliz com o resultado ao fim de todos estes anos de frustração e deceção”.

Dr. Anastassakis salienta que o caso de Vaggelis é um entre muitos, infelizmente. “Uma sedutora oferta de baixo custo, um destino de viagem com tudo incluído, um procedimento “sem toque”, ” sem cicatriz”, ” sem dor”, tudo isto atrai milhares de jovens que anseiam por um transplante capilar.

A quantidade de maus resultados está a crescer exponencialmente e continuará a crescer a não ser que todos nós, os envolvidos, nos manifestemos! Isto não se limita a médicos, cirurgiões capilares e associações médicas, mas também envolve os pacientes que já tiveram um mau resultado. Existem milhares de pessoas que tentam esconder resultados feios e não naturais, permanentemente cicatrizadas tanto fisicamente como emocionalmente. Manifeste-se e deixe a sua história ser conhecida por outros.

Vaggelis sofreu com um resultado de transplante capilar muito mau, mas decidiu agir. Aprendeu com a sua má decisão anterior e optou por não só explorar as possibilidades factuais de uma solução, como também por partilhar a sua história com todos nós”.

Sharing is caring!

Leave a Reply